domingo, 1 de novembro de 2009

Reportagem SIC " Os Laços e os Nós"

Está a dar uma reportagem na SIC " Os Laços e os Nós" sobre crianças em instituições e dá-me uma gana de entrar pela TV a dentro e tirá-las todas dali...é triste saber que estas Meninas estão ali desde bèbes e algumas já adolescentes e não lhe foi permitido ter um lar...tanta burocracia para adopção e elas vão crescendo sem saber o que é uma familia, amor de pais, um lar só para elas...

As instituições fazem o melhor que podem mas não é uma casa onde haja um Pai e uma Mãe para lhes dedicar tempo, educação, amor, etc...tudo o que têm direito!
Tem tanta coisa neste País que eu gostava de ver mudado!!!!
Neste caso a maioria das Meninas contentam-se com pouco basta um contacto anual para não querem ser adoptadas...




Publicação: 29-10-2009 16:51

Última actualização: 30-10-2009 19:18


Os laços e os nós


Em Portugal centenas de crianças e jovens são retiradas aos pais por abandono ou negligência e colocadas em instituições geridas pela Segurança Social.


Algumas constam da lista nacional de adopção, mas recusam terminantemente a ideia de serem entregues a uma nova família.


Grande Reportagem SIC

Tudo porque ainda mantêm alguma ligação com os pais biológicos. Apesar de serem laços muito ténues, uma visita ou um telefonema por ano, são suficientemente fortes para fazerem destas crianças verdadeiras reféns de quem as abandonou.

------------------------------------------------------------------------
Jornalista: Cristina Boavida
Imagem: Vitor Quental
Montagem: Rui Rocha
Grafismo: Luís Simões
Produção: Isabel Mendonça e João Nuno Assunção
Coordenação: Cândida Pinto
Direcção: Alcides Vieira



17 comentários:

EP disse...

Passei para desejar-lhe uma Boa Noite Lina.
As fotografias estão lindas.
beijinhos

Natália disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Zezinha disse...

Acabei de ver a reportagem..e estou lavada em lagrimas..commo é possivel haver pais assim..porque nao deixam as crianças serem felizes numa familia que as pudesse ammar?tenho amigas virtuais á anos e repito anos á espera..é vergonhoso no minimo..enfim.. e to como..apetecia saltar para dentro da tv e traze-las para minha casa..bjooooooooooooo

KINZINHO disse...

Olá Lina.

Infelizmente esta é a realidade nua e crua.
O flagelo está espalhado pelo mundo, sejam países ricos ou pobres.

Boa semana, LINA.

Anónimo disse...

Márcia diz:
Lina,essa reportagem é de doer a alma,infelizmente aqui no Brasil é assim também,e a burocracia é tanta que só atrapalha.


A Natália estava tão doida que nem leu a mensagem,e veio ranhetar aqui,desculpe,Lina.

Natália disse...

Lina já tirei o comentário,não vi porque mexe muito comigo.
Não consigo ver.

Anónimo disse...

Márcia diz:
e agora ,para apagar o meu?

Natália disse...

A Lina se quiser apaga

maguie disse...

tb vi e fiquei revoltada....

boa noite dorme com os anjos
bjs
..

Lina Querubim disse...

Aiiiiiiiii vcs deixam-me doida...apagar o quê????

Deixo aqui muitos beijinhos,tenham uma noite tranquila sonhem com os Anjos

VandaR disse...

Nunca vi reportagem sobre esse tema, tão pobre!!!

Boa semana. Bjs

Anónimo disse...

Márcia diz:
Lina,é que eu e a Natália erramos ao comentar uma coisa engraçada,neste post...eu apareço neste comentário dando risada,se puder apagar,agradeço.

Lina Querubim disse...

Márcia já apaguei fique descansada!
Beijokas

Natália disse...

Lina boa noite e até amanhã.
Beijinhos

Anónimo disse...

Márcia diz:
Muito obrigado,Lina.
beijins

Anónimo disse...

olá ...anjos são vocÊs...tão queridas, inocentes e k já passam por estas coisas tão dolorosas... eu vi a reportagem e afoguei-me em lagrimas mas por saber o k vocÊs estão a passar. queria apenas vos deixar beijo e dizer-vos para terem força e k estudem mto para darem o que nunca tiveram aos vossos filhos. um abraço da indira e tambem queria vos dizer k gostaria mto d ter vossos emails para partilharmos experiencias tanto boas como mas. xoxoxoxoxoxo. 15 anos de cabo verde.

Lina Querubim disse...

Bem vinda Indira é assim o nome não é?
Este é um tema complicado e dificil de abordar, tem muitas coisas neste mundo que deviam ser mudadas e uma delas são as crianças que não pediram para vir ao mundo, muitas vezes sofrem pela crueldade dos adultos e outras vezes pelas nossas leis.
Beijinhos volta sempre!!